quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Trilha sonora de Guardiões da Galáxia lançada em K7

Cinema na Confraria
Trilha sonora de Guardiões da Galáxia em K7


Esta notícia me encheu de nostalgia. Depois do sucesso impressionante, e até certo ponto surpreendente, do filme Guardiões da Galáxia, temos tido uma enxurrada de produtos relacionados com a produção. Mas o ápice chegou com esta notícia apresentada pela revista Billboard. A trilha sonora de ganhou uma legião de fãs, repleto de sucessos dos anos setenta e oitenta, será lançada também em fita k7, como aparece no filme. Uma edição limitada será lançada pela Disney com o mesmo nome da fita que aparece no filme – “Awesome Mix vol. 1”. O lançamento está marcado para 17 de novembro. 

Novo preview para Master's Guide

Anéis mágicos em D&D 5E 

Um novo preview de D&D 5E Dungeon Master’s Guide....agora é a vez dos anéis mágicos!


terça-feira, 21 de outubro de 2014

Super-heróis contam a história do século XX em revista

Muito além dos quadrinhos de Super-heróis


Se você curte quadrinhos muito além da simples leitura das aventuras dos personagens? Se sim este revista é para você. A História Viva - Edição Especial #52 trás como tema deste mês “Super-Heróis contam a história do século XX”. Nela temos uma análise da trajetória das histórias em quadrinhos desde o final do século XIX, com o nascimento das HQs propriamente ditas e as primeiras histórias de super-heróis, indo até os dias de hoje. São 80 páginas de textos e análises acessíveis mesmo para quem não é um historiador.


À cada artigo temos uma análise colocando frente a frente o surgimento ou sucesso de certos personagens com o momento histórico daquele momento. Temos, entre outros, Superman, Batman, Capitão América, Homem de Ferro, Hulk, V, além de personagens de outros países. Os artigos mesclam autores nacionais como Rodrigo Fonseca, Roberto Guedes e Eduardo Souza Lima, com internacionais como Jean-Marc Lainé, Hélène Harter (Universidade de Rennes II), Jean-Paul Gabilliet (Universidade Bordeaux II) e Simon Veille. A revista, lançada no Brasil pela editora Duetto, é a versão nacional da revista francesa Historia.

O valor é de R$ 13,90.

Preview do D&D 5E Dungeon Master's Guide

Preview do Master's Guide

Que tal um preview do D&D 5E Dungeon Master Guide? Para quem não sabe a Wizard está disponibilizando previews mediante donativos... à cada vez que atingem um determinado limite, novos previews são liberados. Quando será o próximo?



segunda-feira, 20 de outubro de 2014

Cinema na Confraria: Suicide Squad no cinema... dará certo?

Cinema na Confraria
Suicide Squad no cinema... dará certo?


Enquanto a Marvel marcha firme para o término da sua segunda e muito bem sucedida fase no cinema, a DC Comics ensaia os próximos passos, ainda incertos, mas com muitas esperanças. E uma das grandes esperanças está depositado na adaptação para o cinema de Suicide Squad, que deverá estrear após Batman VS Superman: Dawn of Justice, em 5 de agosto de 2016.

É impossível não relacionar este anúncio com os Guardiões da Galáxia, da Marvel. Assim como o grupo da rival, o Suicide Squad é também muito pouco conhecido gerando uma enorme surpresa nos fãs e mídia especializada. Mas numa segunda análise vemos que na verdade a DC está aprendendo com os passos da Marvel. É muito diferente trabalhar com um grupo cuja pressão dos fãs seja menos intensa e que possibilita uma maior liberdade e tranquilidade para realizar a difícil tarefa de adaptação.

Para esta tarefa de levar o Suicid Squad para as telonas foi escolhido o diretor David Ayer (diretor em “Fury” e “End of Watch” e produtor em “Dia de Treinamento”). Embora Ayer não tenha dito muita coisa ainda sobre suas pretensões com o filme, ele adiantou para a revista Empire: “I can say thar it’s a Dirty Dozen with supervillains. Then I can ask the question, ‘does a movie really need good guys?’”. Notaram semelhaças com os Guardiões da Galáxia? Acho que podemos esperar coisas interessantes.

O Suicide Squad é um grupo de vilões (mais que anti-heróis) que trabalham para o governo americano em missões especiais para que suas penas sejam comutadas. E o projeto está gerando tanta expectativa positiva para os produtores que nomes de peso estão sendo cotados para o filme, nomes como Will Smith (“Eu, robô”), Margot Robbie (“O Lobo de Wall Street”) e Tom Hardy (“Inception”).

Para quem não conhece muito sobre o grupo, ele teve já várias  formações e não sabemos ao certo qual delas será abordada pela adaptação, mas eu apostaria na mais recente onde podemos encontrar Harley Quinn, El Diablo, Black Spider, Voltaic e King Shark.

Suicide Squad atual
Suicide Squad original

sexta-feira, 17 de outubro de 2014

Imagens dos spellbooks cards para D&D 5E


Imagens dos spellbooks cards para D&D 5E


Já viram o previews do baralho de cards de magia para Arcano para D&D 5E (spellbook cards)? Esses baralhos servem para magias e feitiços serem selecionados e utilizados pelos jogadores de forma muito mais rápida e prática.

Pois algumas imagens começaram a serem disponibilizadas em alguns fóruns por jogadores que adquiriram seus decks.

Nos cards você poderá encontrar:

  • nome de Magia e informações importantes;
  • texto descritivo com a mecânica na íntegra, sempre que possível;
  • períodos de escala tem uma seção adicional com detalhes sobre como eles melhoram;
  • exibir facilmente o nível de magia para uma fácil identificação;
  • são altamente duráveis. 






Games na Confraria: Seja um odioso vilão em Hatred



Games na Confraria
Seja um odioso vilão em Hatred

Que tal ser um vilão, para variar? Pois essa é a premissa de Hatred e isso esta causando muita polêmica. Estamos acostumados em encarnar o papel de um herói que luta contra o mal, caçando bandidos ou antagonistas de totós os tipos. E mesmo quando somos “vilões”, usamos de nossa maldade dentro de certos parâmetros. Mas com Hatred isso é muito diferente.

Nele você ser mau, muito mau pelo puro prazer de ser mau. Você demonstrará ódio acima de qualquer coisa e contra todos pelo puro prazer de disseminá-lo. E isso tudo em um jogo.


O jogo desenvolvido pela Destructive Creations nos coloca como um protagonista de puro ódio contra o mundo, e que deseja que todos sofram pelo simples motivo de estarem vivos, não importa se são policiais ou civis, homens ou mulheres, adultos ou crianças. Quem pensava que Carmagedon ou GTA eram o máximo de violência em nossos consoles, se enganou.

O jogo em si se vale de uma visão isométrica (terceira pessoa e do alto) para a grande parte da ação. O gráfico, pelo menos do que tivemos acesso pelo trailer, é bem fraco e acaba por deixar descontextualizada a extrema violência que o jogo promete. O colorido em tons cinzas e escuros cria uma aura que naturalmente propicia um ambiente incômodo e sombrio, ajudando no jogo. Já as sequências cinematográficas das mortes podem ser um pouco impactantes à primeira vista, mas também acabarão não sustentando a promessa de violência além do normal.


Isso tudo acaba por corroborar a opinião da galera do site Arkade, que acha difícil, com um visual pobre como esse, que ele venha a ser um “simulador de psicopatas”. Eu, particularmente, até poderia o jogar, mas mais por uma questão de jogar por jogar, pois a temática e as promessas não me convenceram.



Sugiro uma leitura atenta no artigo da Arkade que destrincha as questões da polêmica! Por enquanto fiquem com o trailer ‘polêmico’ e aguardem o jogo, que será lançado para PC em 2015!


Mapas de qualidade para suas aventuras

Mapas de qualidade para suas aventuras

Mapas são sempre um grande e proveitosos acréscimo às nossas mesas possibilitando um outro nível de entendimento durante um combate. Agora imagine ter mapas produzidos minuciosamente por um competente cart´grafo? Pois o cartógrafo e rpgísta Mike Schley disponibilizou em versão digital uma série de mapas em ambientes variados – dungeons, neve, torre – criados por ele e lançados em revistas especializadas para o deleite dos mestres e jogadores. Eles não são gratuitos, mas os valores são muito acessíveis, girando entre U$ 1,20 e U$ 2.




quinta-feira, 16 de outubro de 2014

O que estão jogando e quantos estão jogando


O que estão jogando e
quantos estão jogando

Para terminar essa série de postagens com dados sobre os RPGs no mercado mundial, esta terceira e última trata dos jogos jogados e jogadores. O ENWorld, em seu fórum, apresentou os dados do Roll29 Tabletop Virtual e se baseou em nada menos que 25000 jogos mencionados por 15000 jogadores durante o último trimestre de 2014. São números significativos sem dúvida alguma.

Olhando esses dados percebemos rapidamente algumas informações. A primeira delas é a incontestável liderança de Pathfinder como jogo em maior número de mesas, embora esteja em segundo lugar em quantidade de jogadores o jogando. O dado mais impressionante é que o segundo lugar de maior número de mesas jogando é o D&D 3.5, estando em primeiro co que diz respeito à quantidade de jogadores o jogando. Além disso, o D&D 5E, mesmo tendo sido recém lançado, já está em terceiro lugar, empurrando o D&D 4E para a quarta posição. Destaque também para o intruso em meio à esta hegemonia dominada por Pathfinder e D&D – trata-se de RPGs que se utilizem do cenário de Star Wars.

Para entender a tabela compreenda essas explicações:

Coluna “Jogos”: foi informado pelos Mestre na pergunta “isso é o que estamos jogando”.

Coluna “Jogadores”: foi informado pelos jogadores ativos no trimestre respondendo a pergunta “isto é o que gosto de jogar em minha mesa” em seu perfil.

As somas das colunas podem dar mais de 100% já que é possível respostas múltiplas.


Uma recomendação prévia, antes de vocês olharem a tabela, é quanto à captação dos dados. Sempre há o perigo da consistência das informações devido à fonte das respostas. Os respondentes o faziam em seu perfil, sem comprovação apropriada dos dados. Mas mesmo assim, o resultado é muito interessante para termos um perfil aproximado dos gostos dos RPGistas lá fora.


Os RPGs mais falados


Os RPGs mais falados

Os debates sobre sistemas mais jogados têm sido alvo neste mês de outubro. Depois da primeira parte, na postagem anterior, que tinha com alvo os melhores RPGs sob a ótica dos varejistas, agora vamos um pouco mais fundo, sob a ótica de jogadores e sites, os verdadeiros usuários. Abaixo temos uma lista baseada no quanto os sistemas são falados na rede. Se valendo de um algoritmo específico para isso, mais de 1000 sites e blogs (entre eles EN WorldRPGnetUK RoleplayersRPG GeekRPG Bloggers, e RPG Blog Allianceforam averiguados por noventa dias. Esse levantamento é realizado de tempos em tempos com alvos específicos e de grande amplitude.

Eu vou transcrever abaixo a listas com seus percentuais conforme originalmente postado no site ENWorld. Cada um dos sistemas apresentados pode ser conferido individualmente para se verificar a natureza das inserções (comentários, grupos, postagens, fóruns, blogs, artigos, mensagens etc), bastando clicar no nome do sistema para isso.


Temos aqui três listas. A primeira é sobre os sistemas baseados ou derivados de D&D. A segunda possui todos os outros sistemas. A terceira é uma combinação das duas primeiras listas, mas só até a trigésima posição e com percentuais referenciando o total geral.

Sistemas baseados em D&D (sistema e OSR)
s
1
     D&D 5th Edition                  63.47%
2     D&D 3rd Edition / 3.5           9.19%
3     Old School Revival (OSR)*  6.37%
4     Pathfinder RPG                      4.53%
5     D&D 4th Edition                    4%
6     OD&D                                    3.34%
7     AD&D 2nd Edition                2.86%
8     13th Age                                 2.24%
9     Dungeon Crawl Classics        2.07%
10 Castles & Crusades                 1.19%
11 AD&D 1st Edition                  0.62%
12 Hackmaster                             0.13%


Sistemas em geral 

1     FATE                                    13.45%
2     Savage Worlds                       7.79%
3     World of Darkness                 7.57%
4     Call of Cthulhu                      6.02%
5     Traveller                                5.29%
6     Dungeon World                     4.85%
7     Shadowrun                             4.34%
8     Dread                                     4.26%
9     GURPS                                  3.89%
10  13th Age                                3.75%
11  The Strange                           2.87%
12  Numenera                              2.42%
13  M & M / DC Adventures      2.35%
14  Star Wars: Edge Empire       2.28%
15  Warhammer 40K                  2.06%
16  Feng Shui                              1.98%
17  RIFTS                                   1.91%
18  ICONS                                  1.84%
19  Doctor Who: A.T. & Space  1.54%
20  Apocalypse World                1.54%
21  Stars Without Number          1.32%
22  Firefly                                   1.32%
23  DC Heroes                            1.25%
24  Star Trek*                             1.25%
25  Dragon Age                          1.18%
26  Deadlands                            0.96%
27  Warhammer FRP                 0.88%
28  d20 Modern                         0.88%
29  Gumshoe*                           0.88%
30  BESM                                  0.81%
31  Earthdawn                           0.73%
32  The One Ring                      0.73%
33  Star Wars (SAGA/d20)       0.59%
34  Eclipse Phase                       0.59%
35  HERO System/Champions  0.51%
36  Iron Kingdoms                    0.51%
37  Gamma World                     0.44%
38  Colonial Gothic                   0.37%
39  Exalted                                 0.37%
40  All Flesh Must Be Eaten     0.37%
42  A Song of Ice & Fire           0.22%
43  CORTEX System*              0.22%
44  Ars Magica                          0.22%
45  Aberrant                              0.15%
46  Marvel SAGA                     0.15%
47  Mutant Chronicles               0.15%
48  d20 Future                           0.15%
49  Fading Suns                         0.15%
50  True20                                 0.07%
51  Smallville                            0.07%
52  Brave New World               0.07%
53  TMNT                                 0.07%
54  Star Wars (d6)                     0.07%


Listas combinadas

1      D&D 5th Edition              40.26%
2      D&D 3rd Edition / 3.5       5.83%
3      FATE                                 5.1%
4      Old School Revival           4.04%
5      Savage Worlds                  2.96%
6      World of Darkness            2.87%
7      Pathfinder RPG                 2.87%
8      D&D 4th Edition              2.54%
9      Call of Cthulhu                 2.29%
10   OD&D                             2.12%
11   Traveller                          2.01%
12   Dungeon World               1.84%
13   AD&D 2nd Edition         1.81%
14   Shadowrun                       1.64%
15   Dread                               1.62%
16   GURPS                            1.48%
17   13th Age                          1.42%
18   Dungeon Crawl Classics 1.31%
19   The Strange                     1.09%
20   Numenera                        0.92%
21   M & M/DC Adventures  0.89%
23   Warhammer 40K             0.78%
24   Castles & Crusades          0.75%
25   Feng Shui                         0.75%
26   RIFTS                               0.72%
27   ICONS                              0.7%
28   Apocalypse World            0.59%
29   Doctor Who: A. in T. S.   0.59%
30   Stars Without Number     0.5%